sábado, 25 de junho de 2011

Botox para tratar enxaqueca?


Alterar a percepção de dor parece um dos métodos mais eficientes para 'enganar' a enxaqueca. A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou o uso de injeções de botox para o tratamento de enxaqueca crônica. Antes do Brasil, só EUA e Inglaterra haviam autorizado a aplicação do produto no tratamento da doença.

Mesmo tendo uso aplicado em tratamentos médicos o Botox ainda não deixou de ser uma toxina, que a grosso modo paralisa a musculatura.

Como toda toxina, trará reações no organismo, além de fazer com que o fígado do indivíduo trabalhe demasiadamente a fim de metabolizar e eliminar esse veneno.

E a enxaqueca, quando tratada por esse meio só terá resultado caso a sua causa sejam as contraturas, e tensões musculares que causam dores referidas na região da cabeça. Bom, sendo assim, e pensando no principio básico de qualquer tratamento coerente, aplicar o Botox para paralisar músculos tensos que causam não me parece uma medida muito inteligente. desta forma está se tratando a consequência do problema e negligenciando a causa. Ponto da indústria farmacêutica, que venderá mais Botox. Ponto para os médicos que terão milhares de pacientes voltando a cada trimestre para renovar seu Botox. e mais uma vez quem sai perdendo é o paciente, que gastará seu dinheiro em um tratamento que não resolverá a causa primária de seus problemas. E sabe-se lá quais serão os novos problemas que estará criando com essa conduta, sem princípios.

Na ânsia por um resultado rápido, e respaldado por profissionais irresponsáveis, pacientes se submetem a tratamentos absurdos!!!

É o Fim!!!!




http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI2268344-EI298,00.html

http://www.mundodastribos.com/botox-e-os-riscos-de-seus-efeitos-colaterais.html

http://osteopatia-aartedotoque.blogspot.com/2009/03/tratamento-osteopatico-nas-cefaleias-e.html

Mais link sobre problemas risco do uso de Botox!!!
http://translate.google.com.br/translate?hl=pt-BR&langpair=en%7Cpt&u=http://www.reuters.com/article/2008/01/25/us-allergan-botox-idUSN2422612920080125

http://www.nowpublic.com/health/botox-warning-fda-after-16-deaths

http://www.newsinferno.com/pharmaceuticals/lawsuit-alleges-botox-overdose-caused-little-girls-death/18400

http://www.lawyersandsettlements.com/features/botox-death-paralysis/botox-can-happen.html

http://mundoestranho.abril.com.br/materia/qual-e-o-veneno-mais-venenoso-do-mundo

Vamos dizer sim ao uso racional dos medicamentos!!!

8 comentários:

  1. Estimado Senhor,
    Pelos seus comentários, deprende-se que são necessários aquisisções de sua parte de ulçteriores conhecimentos em cefaliatria e medicina baseada em evidências, antes de afirmar em quais casos a toxina botulinica seria eficaz.
    Carlos A. Bordini
    Doutor em neurologia e Cefaliatra

    ResponderExcluir
  2. Caro senhor,
    Basta conhecimento em fisiologia e anatomia e fisiopatologia, para saber quais seriam os casos onde a Toxina Botulinica seria eficaz, sendo assim de forma análoga, sabemos também quais técnicas osteopáticas seriam tão eficazes quanto. A Pergunta é: Sabendo que existem meios não evasivos para se obter o mesmo resultado, e com mais eficiência, por que usar a toxina?
    Existem muitas pesquisa dentro da Osteopatia que comprovam isso.
    Obrigado por participar com o seu comentário.
    Felipe Mascarenhas

    ResponderExcluir
  3. quis dizer invasivos não evasivos....desculpe!

    ResponderExcluir
  4. 1. O uso do botox não visa "enganar o paciente" alterando a percepção da dor. Em muitos casos, a contratura muscular sustentada é o mecanismo gerador e perpetuador da dor crônica, ou seja, a causa primária. Portanto, raciocinando em termos de fisiopatologia, a toxina botulínica poderia contribuir de forma curativa/profilática em alguns pacientes com enxaqueca, o que foi respaldado por estudos clínicos;
    2. O fato de ter sido aprovado e disponível no mercado não significa que o botox irá ser droga de primeira escolha nem substituir outros medicamentos ou abordagens não medicamentosas já vigentes, vem apenas para acrescentar nos casos refratários. Seria, portanto, um grupo selecionado de pacientes;

    ResponderExcluir
  5. 3. O uso da droga foi liberado pela ANVISA, instituição governamental que tem, por lei, a prerrogativa de retirar ou introduzir qualquer medicamento no mercado. Além disso, o Ministério da Saúde já contempla o uso do Botox para tratamento de casos refratários de cefaléia em centros de alta complexidade, normalmente ambulatórios multidisciplinares de cefaléia e dor de hospitais universitários do SUS, sem ônus para o usuário;
    4. A literatura atual não descreve o fígado como órgão metabolizador da droga. A teoria mais aceita é que proteases teciduais exerçam essa função;
    5. O uso racional de medicamentos não significa deixar de usar os medicamentos, mas sim com critério;

    ResponderExcluir
  6. 6. Finalmente, para um site que se propõe a "compartilhar informações e conhecimentos", é no mínimo incoerente e deseducado argumentar apelando para supostos interesses financeiros dos médicos e chamar os profissionais que usam a droga de irresponsáveis. Trabalho num ambulatório multidisciplinar de cefaléia onde há médicos, psicólogos, fisioterapeutas, dentistas e assistentes sociais onde fazemos de tudo em conjunto e com excelência e expressões como "tratamento absurdo" e "conduta sem princípios" não são usadas no nosso grupo. Sinta-se convidado a nos visitar e conhecer nossa rotina.
    José Manoel Martins
    Médico Residente em Neurologia

    ResponderExcluir
  7. 1- Enganar o paciente?... "enganar" a enxaqueca é o que está escrito. Aspas foi um recurso que usei para de forma simplificada não precisas explicar a fisiologia do que acontece, e tornar o texto mais acessível. Continuando o Botox faz exatamente o que outras técnicas fazem, sem que se precise usar uma medicamento. Desta forma, por que usar???
    quanto aos estudos clínicos, o sr não deve ter lido nenhum dos link no fim do texto. recomendo: http://noticias.r7.com/saude/noticias/estudo-questiona-o-uso-de-botox-para-tratar-enxaqueca-20110209.html

    2- Exatamente o que se espera de pessoas serias, mas mesmo assim o uso do botox continua sendo questionado....

    3- ANVISA nunca foi exemplo de boa conduta no que diz respeito a aprovação e desaprovação de medicamentos. Visto inúmeros casos recentes de medicamentos aprovados com efeitos muito questionados, a sibutramina pode ser um pequeno exemplo... mais um link...
    http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1462580-5603,00-VENDA+DE+REMEDIO+PARA+EMAGRECER+COM+SIBUTRAMINA+E+SUSPENSA+NA+EUROPA.html

    ResponderExcluir
  8. 4- Ok. vc salvou o figado!!! ufa assim fico mais tranquilo... mas continuo questionando por que usar botox, e ainda o risco de uso de medicamento de baixa qualidade... veja o link:
    http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2006/04/18/fake-botox-still-deadly.aspx

    5- Exatamente, mas quais são esses critérios? Posso te afirmar que esses critérios estão na cabeça de cada medico e o sr deve responder apenas por vc!!!

    6-Mais um link para vc...
    http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2010/09/16/botox-maker-to-pay-600-million.aspx

    Antes de dizer que não existe interesse financeiro por parte da industria leia o artigo e reflita. E antes de dizer que não existe interesse de um medico, veja a marca da caneta que carrega em seu jaleco, seu bloco de notas na escrivaninha, e quem patrocinou seus últimos congressos, se tiver aceitado isso de algum laboratório, já esta comprado... em pequeno ou grande grau, não importa se foi só uma caneta... a diferença e por quanto cada um se vende...
    Espero que não seja o seu caso, e continue realizando um ótimo trabalho...

    ResponderExcluir